O Que É TUS? Como Funciona O Tratamento?

Neste artigo sobre O Que É TUS? Como Funciona O Tratamento?, você ficará por dentro de todas as informações sobre esse assunto tão atual e desafiador.

Não é novidade para ninguém que conviver com dependentes químicos é uma experiência complexa e delicada.

É comum que muitas pessoas apresentem o Transtorno por uso de Substancias que é ainda mais difícil de lidar e de compreender.

Para conseguir contornar a situação é preciso que a rede de apoio seja compreensiva e tenha conhecimentos razoáveis que vão ser necessários para ajudar o dependente químico.

Dessa forma, se você tem alguma dúvida ou tem interesse em saber mais sobre o assunto, acompanhe o artigo até o final e veja tudo que precisa saber sobre esse assunto.

Garantimos que vale a pena acompanhar nosso artigo para saber o que é o Transtorno por Uso de Substâncias e como funciona o tratamento dele.

O Que É TUS? Como Funciona O Tratamento?

O que é o TUS – Transtorno por Uso de Substância

Antes de mais nada, é preciso entender detalhadamente o que é TUS, para que em seguida seja observado como funciona o tratamento.

Sem saber do que se trata o transtorno, torna-se difícil entender a situação do dependente químico e servir como apoio para que ele deixe de estar nessa situação.

O TUS, que é o Transtorno por Uso de Substâncias, envolve um determinado padrão patológico de comportamento onde os dependentes, mesmo após vivenciarem uma consequência negativa advinda do uso das drogas, continua o uso.

Dessa forma, precisamos reafirmar que o transtorno está associado ao sistema de recompensa que todos nós temos em nosso organismo e isso favorece a continuação do uso das substâncias mesmo após uma experiência traumática.

Para entender o TUS, não basta apenas considerar todos os usuários de drogas, há uma diferença que deve ser levada em consideração.

Diferença do TUS para o uso recreativo de substâncias

O uso de drogas ilícitas tem aumentado cada vez mais no Brasil e em todos os lugares do mundo, de modo geral, e isso é preocupante.

Diante do cenário vivenciado atualmente, é preciso considerar o que seria o uso recreativo de substâncias tóxicas.

Não é sempre que o uso de drogas estará relacionado ao Transtorno por Uso de Substancias, a análise que leva ao diagnóstico é minuciosa e deve ser feita por profissionais.

Em contrapartida, pode ser que drogas que são lícitas no nosso país, como o álcool e o tabaco tenham forte relação com o TUS, tudo vai depender do contexto e da situação específica.

Diante do cenário brasileiro, podemos perceber que houve um aumento no uso de drogas em conotação recreativa, pessoas recorrem a essas substâncias para melhorarem o humor, participando de rituais religiosos e melhorar desempenho.

O que precisa ser vigiado é de que forma o usuário está fazendo uso da substância, quando é apenas esporadicamente e em doses pequenas, não há tanto risco de desenvolver dependência química.

Porém, há aqueles que chegam a níveis críticos de dependência para conseguirem um tratamento eficiente é preciso muita cautela e força de vontade.

O Que É TUS? Como Funciona O Tratamento?

Critérios usados para o diagnóstico de TUS

Como já falamos, não é todo usuário de drogas que irá apresentar Transtorno por Uso de Substâncias, há casos e casos que precisam ser analisados individualmente.

Para poder conseguir alcançar um diagnóstico preciso de TUS, primeiro se analisa o padrão patológico comportamental de uso contínuo da droga mesmo tendo sofrido com problemas causados pelo consumo.

Há alguns fatores que são perceptíveis e podem ser observados em pacientes que apresentam o TUS.

O primeiro deles é a falta de controle quanto ao uso, o dependente passa a usar grandes quantidades de substâncias ou por um maior tempo do que usava quando começou, a pessoa pode apresentar também desejo incontrolável para usar a substância.

Outro fator que pode ser visto é o prejuízo social, são aquelas pessoas onde o transtorno já atrapalha o desenvolvimento e cumprimento de obrigações da vida cotidiana, o usuário pode chegar a se privar do convívio social para usar droga.

Há também o uso de risco, que é quando a pessoa passa a usar droga em momentos que não deveria, ao dirigir, por exemplo.

Além disso, as pessoas continuam fazendo o uso de substâncias mesmo sabendo que isso pode agravar um quadro clínico delas.

Por último, o critério analisado são os sintomas farmacológicos que a pessoa apresenta, há casos que o dependente tem uma tolerância maior à droga, é preciso que ele aumente a quantidade para atingir o resultado esperado.

Nesse aspecto também temos a abstinência, quando há a interrupção do consumo de substâncias e a pessoa apresenta alguns sintomas inconvenientes.

Como funciona o tratamento para as pessoas que apresentam TUS 

Depois de entender uma série de questões que estão envolvidas no TUS – Transtorno por Uso de Substâncias, você precisa ter conhecimento sobre como funciona o tratamento para dependentes químicos, até mesmo para ajudar alguém próximo que sofre com isso.

Em primeiro lugar, para determinar o tratamento adequado, é preciso conhecer qual a substância que o dependente tem utilizado e qual a situação que ele se encontra.

O tratamento para o TUS, pode variar entre:

1.    Desintoxicação aguda do paciente;

2.    Prevenção e tratamento para a abstinência;

3.    Cessação do uso;

4.    Manutenção da fase de abstinência;

Em casos mais graves, os pacientes precisam passar por uma desintoxicação aguda e muitas vezes precisam até ficar internados em clínicas que estão preparadas para lidar com essa situação.

Quando o paciente já está em um processo de redução ou interrupção do consumo, é preciso acompanhá-lo para que as crises de abstinência não venham de forma a prejudicar o progresso do paciente.

Para cada fase do tratamento pode-se utilizar o método que for mais conveniente ao dependente, em certos casos o melhor é utilizar de fármacos, já em outros é o aconselhamento e há aqueles em que se precisa dos dois.

O Que É TUS? Como Funciona O Tratamento?

Substâncias que favorecem o desenvolvimento do TUS

Você sabe quais são as substâncias mais comuns que podem causar o TUS? Sabe que muitas substâncias lícitas podem contribuir para o desenvolvimento do TUS?

Por mais que muitas pessoas pensem que por serem lícitos alguns elementos não possuem efeitos nocivos, observe abaixo a lista de substâncias que mais estão associadas ao TUS:

– Álcool

– Cafeína

– Cannabis

– Inalantes

E muitos outros.

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.